Mecanismo Atravessa Idosos com Segurança


No Brasil, 3 de cada 10 atropelamentos envolvem pessoas de mais idade. O Ministério da Saúde brasileiro relatou mais de 2.700 casos de mortes por atropelamento para idosas em 2012. Tentando sanar esse problema a Prefeitura de Curitiba queria tornar as ruas mais seguras e acessíveis aos idosos e deficientes.
Junto com a agência OpusMúltipla desenvolveram um dispositivo especial que, ligado aos semáforos, dava mais tempo para idosos e deficientes.
Bastava aproximar seu cartão magnético de transporte coletivo que o tempo de travessia aumenta de 12 para 18 segundos. Esse acréscimo de tempo foi atingido em pesquisando quase 500 pessoas idosas.
Confira abaixo o vídeo da ação.